jQuery Update: Atualizando a versão do jQuery no seu Drupal

O jQuery é o mais popular framework de Javascript de todos os tempos. A forma como a comunidade abraçou o projeto, criando uma infinidade de plugins para os mais diversos fins, é incrível. Eu, como um entusiasta open source, fico realmente maravilhado com a comunidade se formou em torno do framework.

No momento em que escrevo este artigo, o jQuery está em sua versão 1.10.2, mas por decisão de projeto, principalmente relacionada a compatibilidade, o Drupal 7 mantém a versão 1.4.4 no seu núcleo. Isso pode atender em grande parte dos casos, mas quando há a necessidade de se integrar com um plugin ou biblioteca mais avançada, é preciso fazer um upgrade.

Um "especialista em POG" diria:

Ah! Eu vou baixar o jQuery atualizado e substituir no núcleo do Drupal.

Antes que você pense em cometer essa atrocidade, te advirto que não se deve substituir os arquivos do núcleo do Drupal!

A forma mais segura e simples de fazer esse upgrade é utilizando o módulo jQuery Update. Basta instalá-lo, seguindo o procedimento padrão, e o jQuery já deverá ser atualizado para a última versão disponível. Você pode verificar a versão instalada no relatório de status (admin/reports/status).

Versão do jQuery no relatório de status do Drupal

Você também pode selecionar uma versão específica do jQuery, além de outras opções, acessando a configuração do módulo (admin/config/development/jquery_update).

Selecionando a versão padrão do jQuery

Evitando conflitos com outros módulos e plugins

É importante que você esteja atento às versões exigidas pelos plugins utilizados em todo o seu site. Alguns plugins podem não ser compatíveis com a versão 1.10. Então, para evitar problemas, um bom caminho é selecionar a versão mais antiga suportada pelo plugin que você deseja utilizar. O Bootstrap, por exemplo, necessita da versão 1.9. Então, se você não tiver outro plugin exigindo de uma versão superior, mantenha em 1.9 mesmo.

Outro importante ponto de atenção é com relação a versão do jQuery da área administrativa. O módulo Views, por exemplo, tem apresentado alguns problemas com as versões mais atuais. Justamente por isso, o jQuery Update adicionou a possibilidade de definir uma versão alternativa para a área administrativa. Eu costumo manter a versão 1.5 neste caso e tem funcionado muito bem.

Selecionando a versão do jQuery para a área administrativa

Espero que essas simples dicas possam ajudá-lo a resolver esse inconveniente potencialmente catastrófico. Comente e compartilhe, ajude a divulgar o artigo ;)